Rio, cidade canteiro de obras

O Rio de Janeiro vive a velha ebulição de obras de maquiagem que antecedem todas as eleições municipais. Em seus últimos suspiros, o governo de Cesar Maia tenta imprimir um ritmo mais rápido nas regiões onde geralmente seu partido recebe mais votos de eleitores: Barra da Tijuca e Zona Sul, bairros de classe média alta da cidade.

Mapa da Gávea

Mapa da Gávea

Nas últimas semanas, o que mais se vê na paisagem do Rio são canteiros de obras. Ipanema, Copacabana, Leblon, Botafogo, Barra, a cidade virou um canteiro de obras. E não é diferente no bairro onde moro, a Gávea. Localizado entre o Jardim Botânico do Rio e a praia do Leblon, o Morro Dois Irmãos e a Lagoa Rodrigo de Freitas, a Gávea é o bairro com o maior IDH do estado, pequeno e muito residencial, onde ficam a PUC-Rio, uma das maiores faculdades do país, e o Planetário, além de vários teatros e o famoso Baixo Gávea, local boêmio, com bares frequentados pela juventude carioca.

 

Somente na semana passada foram duas novas obras no bairro, a da Rua dos Oitis e a da Praça do Jóquei. Ambas, segundo a secretaria municipal de obras, com o objetivo de reduzir as enchentes que acontecem no verão e alagam a próxima Rua Jardim Botânico e suas redondezas. 

Obra Rua dos Oitis

Obra Rua dos Oitis

Apesar dos transtornos, os moradores da região entendem a necessidade dessas manutenções periódicas. Há cerca de dois meses, uma tubulação da Cedae (companhia de água e esgoto) se rompeu na região, provocando um engarrafamento com reflexos em vários pontos da zona sul da cidade. Nesse caso perdem todos e não só quem mora no bairro. A grande questão é que muitas vezes as obras acontecem sem planejamento, avisos para os moradores e causam uma desordem urbana e na vida de quem vive no bairro.

 

Foi exatamente o que ocorreu na última semana. Como as tubulações são antigas, ao iniciar as obras, os operários se depararam com a necessidade de levar a nova tubulação até a Rua Major Rubem Vaz, o que fez com que o trânsito naquelas pequenas vias fosse completamente interrompido na última terça-feira.  Com a interrupção, o recolhimento do lixo também foi prejudicado, atrapalhando a vida de quem mora, estuda (a rua conta com duas escolas e um curso de inglês) ou simplesmente passa pelo local.

  

Apesar de ter o maior indicador de desenvolvimento humano do estado, o bairro sofre ainda com a forte desvalorização de imóveis em sua região mais alta (o Alto Gávea) devido à sua localização próxima às encostas de duas favelas que só fazem crescer: a Rocinha e a do Parque da Cidade. Há dois anos, uma série de conflitos entre facções que 
Tentam controlar o tráfico nas duas favelas vem assustando os moradores da área, muitas vezes acordados no meio da noite com o som de tiroteios. 

 

E você? Como anda a situação de obras e violência no bairro onde você mora?

O que você espera de mudanças com a nova gestão municipal? O que você acha que deve mudar?

3 comentários sobre “Rio, cidade canteiro de obras

  1. Oi Raquel. E se vc ficou com vontade de vir a Fortaleza, digo o mesmo em relação ao Rio. Estive aí recentemente – vou sempre que dá – e novamente comi muitos bolinhos de bacalhau no Antonio’s…

  2. Raquel,
    O teu blog está excelente. Você logrou um equilibrio entre imagem e texto que é o grande desafio da maior parte dos blogueiros. A maioria ou só pensa em texto ou só imagens (fotos, infograficos e video). A combinação balanceada das várias midias permite uma narrativa muito mais atraente e educa o visitante em relação à multimidia. A visitação do teu blog reavivou a minha nostalgia em relação ao Rio de Janeiro, cidade onde morei de 1964 a 1994. Inclusive na Gavea, no final da Marques de São Vicente.
    Teu post sobre buscas também está muito bem construido e desenvolvido. Vou recomendar aos teus colegas do curso, uma visita ao teu blog.
    Um abraço
    Castilho

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s