Contar bem boas histórias

A idéia de começar o blog vem me atormentando há muito tempo.
Assim como me atormentam todas as discussões sobre o fim do jornalismo impresso com a queda das circulações dos jornais e o advento dos online.
Comecei na profissão escrevendo em máquina de escrever.
Assisti a chegada dos micros. A descoberta do e-mail como ferramenta de trabalho. A internet como fonte de pesquisa nas redações. E seu nascimento como meio de comunicação.
Trabalho num site de notícias de uma grande corporação de mídia há quase seis anos.
Hoje me considero uma xiita. Não me vejo trabalhando em outra frente, em uma redação convencional. Muitos dos coleguinhas não entenderam o que está se passando. E outros nem querem entender. Não defendo só as notícias na web, nos celulares, onde mais ela possa chegar.
Defendo que o jornalismo seja bem feito.
E isso é hoje mais do que nunca contar bem boas histórias.
É desse sopão de mudanças e contrastes que este espaço pretende cuidar

Um comentário sobre “Contar bem boas histórias

  1. espero que nem a história, nem o presente, on line ou não, e nem o futuro acabem …

    achei ótima a idéia do blog e a disposição de discutir estas mudanças tão decisivas

    as tecnologias e as ferramentas avançam rápido demais, produzidas pelo núcleo desenvolvido do hemisfério norte, e colocadas disponíveis para o resto do mundo

    há que percebê-las, utilizá-las e analisá-las …

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s